Algum lugar do Planeta

Viagens pelo mundo


Deixe um comentário

Camiguin, Filipinas

Eis o meu primeiro videolog!! Tava toda empolgada nas Filipinas e resolvi fazer um vídeo contando como estavam as coisas lá! Foi meu primeiro vídeo e claro que não ficou nenhuma maravilha, ficou escuro, eu esqueci de falar algumas coisas e tá indo todo cru sem edição nenhuma! Pra completar seguem as fotos que eu comentei no vídeo e alguns comentários que esqueci de fazer.

Assistam!

Então, a companhia aérea que voa pra Camiguin é a Cebu Pacific. Não confie muito, eles mudaram meu voo de domingo pra segunda e o voo de quarta chegou lá 4 horas atrasado. Por sorte meu voo de volta foi perfeito.

O nome da Pousada é Agohay Villa Forte Resort.

Na verdade White Island é tão impressionante por que a ilha toda só tem praias de areia marron. E ter uma ilhota de areia branca com vista para Camiguin torna o lugar mais especial ainda.

Essa explicação do cemitério submerso tá bem estranha, eu sei, desista de entender, é um cemitério embaixo d’água por causa de uma erupção vulcânica.


Deixe um comentário

Você já pensou em ir para o Líbano?

Confesso que sempre tenho receio quando o assunto são os países do Oriente Médio, mas depois desse vídeo apresentado pelo meu amigo Libanês-canadense, Rawad, acho que o Líbano vai entrar no Top 10. Nham nham.

Have you think to go to Lebanon?

I confess I always have fear when the destiny is Middle East countries, but after watched this video recommended ​​by my friend Lebanese-Canadian, Rawad, I think Lebanon will enter the Top 10. Yummy.


1 comentário

Vietnã – Halong Bay

Visitar o Vietnã e não ir a Halong Bay é algo que não existe, essa é a principal atração turística do país com toda a certeza e vale a pena, o lugar é simplesmente incrível. Mas vá no verão! Eu fui no fim do inverno início da primavera e achei ótimo, mas quero voltar no verão a paisagem sempre fica mais linda e empolgante com o céu azul e sol quentinho!

vietnam 355

Acho que o sudeste asiático é o lugar mais preparado que existe pra turista, eles tem tudo praticamente pronto para o turista, você pode chegar lá sem reserva nenhuma de nada e duvido que você passe algum aperto. Sempre vai ter uma agência, um hostel, uma van, um grupo para fazer o que você quiser.

No caso de Halong Bay eu tirei a seguinte conclusão: se for no inverno como eu, o tour de 1 dia basta, eu fiz o de 2 dias 1 noite, mas  achei que foi um pouco demais por que o tempo não ajuda, mas se você pegar um barco legal talvez seja mais interessante.

Eu peguei o pacote do hostel que fiquei em Hanoi, o Central Backpackers Hostel e foi bem fraquinho, o barco não é lá grande coisa (esperava mais), a comida bem fraquinha e até certo ponto regulada e a única pessoa da tripulação que falava inglês era o guia. Chuviscou ou choveu o tempo todo, então ficar do lado de fora do barco para apreciar a paisagem nem sempre era uma boa ideia.

vietnam 371

Paguei US$80 nesse tour e se soubesse que era tão meia boca teria pago mais em um melhor, tudo bem, economizei pra quando for no verão! hehehe Não sei qual a agência que fez meu tour, é impossível saber, são tantos barcos, tantas vans levando e trazendo gente que não tem como saber, por exemplo no meu micro ônibus de Hanoi para Halong Bay só eu e mais um americano fizemos o tour de 2 dias as outras pessoas todas estavam fazendo o tour de 1 dia e eram de outros hotéis. A única referência que posso passar é que eu comprei esse tour no hostel que fiquei e nem adianta perguntar para eles qual a agência que eles falaram que não era uma agência e que eles mesmos organizavam o tour e talz,  balela, tem sempre uma agência por trás, só não consegui descobrir qual.

No Ásia de Mochila eles também não gostaram muito do tour que fizeram, eu achei melhor não seguir a dica deles de deixar pra fechar o tour em hanoi pois eu cheguei lá bem no meio do feriado do ano-novo, fiquei com receio de não conseguir lugar.

vietnam 490 vietnam 471 vietnam 458 vietnam 466 vietnam 414 vietnam 419


1 comentário

Cingapura

Marina Bay

Marina Bay

Falar de Cingapura é meio redundante quando se tem um site como o Guia de Cingapura a disposição. Lá tem praticamente tudo que você precisa quando for visitar a cidade. Estou aqui com meu pai que está trabalhando, então tô ficando bem mais tempo que um turista normalmente ficaria, na verdade tô usando como base para visitar outros países do sudeste asiático.

Cingapura é muito parecido com Hong Kong, o sistema de transportes, a mão inglesa… Mas os preços… Eita paisinho caro! Estadia em Hong Kong também é caro, mas o resto das coisas são mais acessíveis, Hong Kong é zona franca da China, total tax free, mas Cingapura não, até livro aqui é caro (coisa que eu achei que teria uns preços melhores que no Brasil já que eles valorizam a educação bem mais que no nosso país). O preço dos livros são bem parecidos com os do Brasil, difícil achar um livro por menos de R$25.

Aqui tem shopping que não acaba mais… Apesar dos preços caros as pessoas amam fazer compras aqui (talvez pra eles não seja tão caro como pra nós), eu acho que aqui tem tanto shopping porque andar ao ar livre é um calor insano e não tem praia como no Rio de Janeiro.

Coisas que eu achei que são imperdíveis de fazer:

  • Visitar a piscina do Marina Bay Sands, é só falar que vai no bar tomar uns drinks que você sobe de graça, não precisa pagar os S$20 e não precisa nem tomar drink se não quiser, eles não verificam isso. Só tome cuidado quando for de noite, eles tem um dress code, homens não sobem de bermuda nem chinelo. De dia acho que não tem problema.

cingapura 022

  • Visitar o Gardens by the Bay, eu me dei pro satisfeita passeando pelos jardins  de fora e pagando S$5 para subir na Super tree, nem fui nas estufas enormes que eles tem lá e que pagam para entrar. A super tree eu achei sensacional, tirei fotos bem legais.

cingapura 020

  • Comer em todos os tipos de “praças de alimentação” (os Hawker Foods e os Foods Courts) que você encontrar. Depois de um tempo eles ficam bem parecidos, mas é bem interessante. E são baratos, uma das poucas coisas baratas em Cingapura é a comida nessas praças de alimentação.
  • Passear uma noite de fim de semana no Clark Q, esse lugar está para balada assim como as praças de alimentação estão para comida, é um local com bar, balada e poucos restaurantes um  do lado do outro, de todos os tipos que você quiser, mesmo que você resolva não curtir uma balada lá acho que vale a pena ver o conceito, achei a ideia boa.

Acho que imperdível mesmo é isso o resto são coisas que você pode ver lá ou outro lugar, parque da Universal, zoológico, bondinho (cable car para chegar em Sentosa), jardim botânico. O oceanário deles é sensacional, mas esse foi o único aquário que eu fui na vida, então não tenho referências paa saber se é muito mais legal que os outros que tem por ai.


Deixe um comentário

Vietnã

Estive no Vietnã por 10 dias, visitei Ho Chi Minh, Hoi An, Hanoi, Sapa e Halong Bay. Adorei o país, comida boa, tudo barato e pessoas simpáticas. O país é super preparado para turistas, principalmente os independentes, mas acredito que mesmo que você vá com algum pacote e fique hospedado nas áreas turísiticas, não tem muito erro.

A coisa que mais me assutou no Vietnã foi o trânsito, o trânsito deles tem uma lógica própria e não segue a mesma que estamos acostumados, eles respeitam o semáforo em alguns momentos (que eu não sei quais são), a quantidade de motos é absurda, acho que é o melhor meio de transporte que eles conseguem ter acesso e como o trânsito segue a própria lógica é tudo muito caótico e as vezes assustador. Mas o negócio é não ter medo de sair andando na frente das motos, eles andam devagar e durante os 10 dias que estive lá não vi nenhum acidente.

2013-02-05 17.04.57

Motos, motos, muitas motos!

A comida é barata você consegue fazer uma refeição com suco natural por até 10 reais fácil fácil. Tudo bem, você não come na calçada, nem no mercado por que acha nojento, prefere um restaurante, então você vai gastar uns 20-25 reais. Eu variei comendo nas 2 opções e achei a qualidade da comida bem parecida, o que muda mesmo é o ambiente.

Comida no Mercado de Ho Chi Minh, R$7,00

Comida no Mercado de Ho Chi Minh, R$7,00

Eu fiz 3 passeios comprados: Delta do Mekong, comprei no hostel em Ho Chi Minh, Phan Anh. Halong Bay e Sapa que comprei no hostel de Hanoi, Central Back Packers Hostel.

O Delta do Mekong foi um tour de 1 dia acho que passei mais tempo dentro do mini ônibus indo e vindo do que passeando por lá, foi ruim por isso, disseram que o trânsito tava pior naquela época pois estávamos perto do Tet (o ano novo Vietnamita) mas mesmo que a viagem durasse 1 hora menos na ida e na volta (um total de 6 horas pra ir e voltar) fico na dúvida se realmente vale a pena. É legal, vc passeia de barco, vê fabricação de bala de coco, faz um passeiozinho de bicicleta, passa pelo mercado flutuante e talz, mas é chato o tempo que você passa dentro ônibus presa no trânsito.

vietnam 098 vietnam 100 vietnam 072 vietnam 080 vietnam 081

vietnam 090

Pretendo fazer posts separados falando do tour de Sapa e de Halong Bay contando maiores detalhes.


Deixe um comentário

Voando Qatar Airways

A Qatar Airways foi considerada por 2 anos consecutivos como a melhor companhia aérea do mundo pelo Skytrax World Airline Awards. E lá fui eu fazer meu voo para Cingapura por ela, aproveitei e passei 2 dias em Doha.

20070806_qatar-airways

Quando eu disse para alguns amigos que iria voar de Qatar eles disseram que seria ótimo, eu fiquei um pouco desconfiada pois pra mim classe ecônomica é classe ecônimica e é tudo um galinheiro de gente. E infelizmente não estava enganada.

De verdade, comparando com TAM, a British e a Cathay (todas que já voei para Ásia ou Europa) não achei a Qatar muito diferente não, aliás a TAM se não me engano é a única que oferece 3 tipos de comida no jantar (frango, carne e massa) nenhuma das outras tinham as 3 opções, eram apenas 2. Comida de avião é comida de avião, não vi nada de extraordinário e aqueles assentos insuportavelmente apertados, para mim que sou pequena, não mudou muito de uma companhia para outra, pra mim a diferença é tão sutil que nem notei, talvez para pessoas mais altas a diferença pode ser mais significativa.

Aquele kit viagem a TAM e a Qatar tem os melhores, oferecem meia, escova de dentes, máscara, pente, mas confesso que raramente uso alguma dessas coisas que eles oferecem…

Acho que a quantidade de filmes, videos e etc da Qatar é bem maior em relação as outras, mas eu também dificilmente consigo assistir 1 filme inteiro, então, várias opções para mim não faz muita diferença.

Como vocês podem ver não sou uma pessoa muito exigente, juro que eu trocava vários filmes, várias opções de comida e bebida, travesseiro e kit viagem por uma poltrona que inclinasse como as poltronas de ônibus (e nem tô pedindo as poltronas de ônibus leito). Acho absurda a diferença que existe entre a classe econômica e a executiva, tenho certeza que é possível fazer alguma coisa intermediária entre as 2 classes e não ser tão torturante para o viajante, só que suspeito que a ganância das companhias aéreas não permite. Enquanto isso chegamos quebrados em qualquer destino depois de passar uma noite ou um dia sentados sem poder esticar as pernas.


Deixe um comentário

Hotel Musherib – Doha

Não fazia ideia de como escolher um hotel em Doha, só sei que eram todos bem caros, entrei no Booking.com e usei meu critério de sempre, dentro do meu orçamento, os com avaliação maior que 8,0.

Foto da Sala de TV com vista para a cama e o banheiro.

Foto da Sala de TV com vista para a cama e o banheiro.

O Hotel Musherib estava dentro desses critérios e optei por ele. E foi uma boa escolha. O quarto era enorme! Tinha uma sala com TV de LCD e  sofá e outro cômodo com a cama de casal bem grande (não sei exatamente qual o tamanho). O banheiro era bem espaçoso também, com meio box (se é que posso chamar assim), funciona, não molhou o banheiro todo. Eles oferecem uma garrafa de água de 1,5l de cortesia, o que é bastante útil na secura do Qatar.

Banheiro com "meio" box.

Banheiro com “meio” box.

O café da manhã sofre do mal de vários hoteis fora do ocidente, sem personalidade. Não sabe se é oriental, ocidental, árabe e no fim nada fica muito bom. Tinha rolinho primavera, feijão, ovo cozido, cereal, salada de fruta, tomate, alface, croissant, homus, coalhada seca, pão sírio… Nem precisa dizer que é difícil combinar essas coisas e olha que eu como quase qualquer coisa de manhã, não tenho frescura.

A localização é boa, não excelente. Eu gostaria de ficar dentro do Souq Waqif como já disse no outro post, mas é bem mais caro. Eu fui a pé do hotel até as principais atrações (Museu de arte islâmica, Souq Waqif, Corniche), mas não é perto e a paisagem não muito agradável para pedestres. E provavelmente em outra época do ano fazer essa caminhada durante o dia deve ser um tanto difícil.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.